Qual é o preço ideal para o produto da sua empresa?

Uma das questões mais importantes para os empreendedores é como estabelecer preços para os produtos num patamar: que seja aceito pelo mercado; que possibilite cobrir todos os seus custos; e que possa gerar um nível de lucro que esteja alinhado com a atividade empresarial e que satisfaça aos desejos dos proprietários e/ou investidores.

Em linhas gerais, pode-se afirmar que os componentes dos preços dos produtos devem contemplar os Custos de Operação (produção, administração, vendas, entregas e outros) + Custos com Tributos + Lucros, a fim de que a empresa tenha condições de estar alinhada ao seu segmento de mercado.

Os três pontos principais informados no início devem estar balizados nas ações operacionais e estratégicas da empresa. A aceitação do produto no mercado considera os elementos contributivos que o produto traz para o mercado em termos de utilidade, qualidade e preço. Em termos de benefícios, o seu comparativo será analisado tendo como referência os produtos que os concorrentes oferecem ao mercado. Se o preço pretendido para o produto for igual ao do maior concorrente, a qualidade do produto deverá ser melhor que a do produto dele; e se a qualidade do produto for igual à do produto do concorrente, o preço deverá ser menor.

No tocante à cobertura dos custos de operação e tributos, embora hoje o mercado exerça uma forte influência no estabelecimento dos preços, o conhecimento de seus custos se torna imperativo para que sua empresa possa ser modelada numa estrutura de custos que permita acomodar, quando necessário, o preço do seu produto no mercado, possibilitando a cobertura dos elementos de custos e tributos.

Finalizando, evidentemente o preço a ser praticado precisa trazer para a empresa uma lucratividade no mínimo igual à praticada pelo setor em que a empresa está inserida e uma rentabilidade superior às melhores alternativas que os proprietários/investidores já possuem como prováveis em seus portfólios de investimentos. Sucesso!!!!!!!

João Daniel Quagliato, Economista, Contador, Pós-Graduado em Contabilidade e Finanças, Professor de Pós-Graduação na área de Negócios. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *